Portal da Propaganda www.portaldapropaganda.com

Marketing

18/08/2014 17:21CHEGUEI AOS 40. AINDA DÁ PRA MUDAR DE CARREIRA?Você acredita que chegou aos 40 anos de idade e agora não existe mais tempo para rever seus sonhos e seu projeto profissional, então saiba que, pelas estatísticas, você passou recentemente apenas metade do caminho. Segundo as recentes pesquisas do IBGE, a expectativa de vida dos brasileiros é de 74,6 anos. Aliás, a taxa não para de crescer. Em 2002, por exemplo, o índice era de 71 anos. Ou seja: se você está lendo este artigo agora e tem dúvida se vale mudar de vida e ser feliz, não perca mais tempo.

 Essa sensação tão forte que chega nessa etapa da vida, em grande parte da população entre 37 a 45 anos, é considerada normal pelos estudiosos no assunto. De acordo com alguns autores, é a fase chamada de estabelecimento e manutenção. Trata-se de um período em que as pessoas param para rever o que construíram até o exato momento, preocupam-se mais com seu autoconceito e analisam o que realmente querem para os próximos anos.


SEMPRE EXISTE A HORA DE MUDAR. O IMPORTANTE É DEFINIR SE REALMENTE COMPENSA, SE REALMENTE FAZ SENTIDO PARA O EMOCIONAL E O RACIONAL, SE REALMENTE NÃO SE TRATA SOMENTE DE UM VAZIO NUNCA PREENCHIDO QUE ESTÁ SENDO PROJETADO PSIQUICAMENTE PARA O ESPAÇO PROFISSIONAL
É quase um balanço, assim como se faz nas grandes empresas, para parar, analisar, refletir e agir novamente. Separar o que valeu e não valeu a pena, aonde colocar mais esforços e tomar decisões estratégicas para viver com plenitude nos próximos anos.

 Isso acontece por alguns motivos. Para alguns profissionais, o que pesa foi o tempo fora de casa e longe da família, pois nessa idade se percebe que as horas diárias dedicadas ao trabalho superaram as horas de contato com os filhos. Com isso, muito acabam contraindo um sentimento forte de culpa.
(...)

12/08/2014 18:46PESQUISA REVELA FALTA DE CONVICÇÃO DO ELEITORADO PAULISTANO SOBRE ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS DE 2014
Um eleitorado que pode mudar de candidato presidencial a qualquer momento, com baixa confiança na capacidade de recuperação da economia brasileira e que acredita no impacto das redes sociais sobre o mais aguardado resultado das eleições de 2014, a escolha do próximo presidente brasileiro. É este o sentimento predominante entre os paulistanos a menos de dois meses do pleito de 5 de outubro, aponta pesquisa inédita idealizada pela Rino Com, agência de publicidade e propaganda com 52 anos de mercado. Sem perguntar ao entrevistado o nome do candidato de sua preferência, a pesquisa, intitulada Convicção e Consciência – Eleições 2014, mensurou a porcentagem de eleitores paulistanos que já decidiu em quem irá votar para presidente. E os números revelam um eleitorado ainda com baixo grau de convicção sobre a escolha que fará. Nada menos do que 59% diz ainda não ter decidido o voto, contra 23% dos que se mostram convictos em relação ao que irão fazer em outubro. A pesquisa contabilizou, ainda, um total de 18% de eleitores que não irão votar ou votarão em branco ou nulo.
QUAL A ESTRATÉGIA MAIS INTELIGENTE DE UMA CAMPANHA POLÍTICA: MIRAR OS INDECISOS OU OS POLITICAMENTE CONSCIENTES? SE 23% DA POPULAÇÃO JÁ DEFINIU SEU VOTO, O QUE PODE FAZER A INTELIGÊNCIA DE MARKETING DO CANDIDATO AO EXPLORAR A CAPACIDADE DA TV DE INFLUENCIAR 91% DOS ELEITORES, SEGUNDO A AMOSTRA, EM MÍDIA CASADA COM A WEB, QUE TOCA NA OPINIÃO DE 57% DOS CIDADÃOS? QUEM SABE QUE NÃO TEM CHANCES DE CONSTRUIR UMA VITÓRIA PODE SE VALER DESSAS ARMAS, ETICAMENTE, PARA "DESTRUIR" UM VITORIOSO EM POTENCIAL?
“A diferença em relação aos resultados das pesquisas eleitorais tradicionais é que, ao não ser perguntado ou induzido a revelar seu voto, o eleitor fica livre para expressar seu sentimento quanto ao pleito, que, neste momento, é de afastamento, cautela e não muita esperança”, explica Rino Ferrari Filho, presidente da Rino Com. “Se em outras pesquisas o eleitor paulistano vê-se obrigado a revelar sua preferência por determinado candidato, em nosso estudo ele demonstra ter uma visão crítica dessa escolha, que ainda é relativa e pode ser alterada.”


(...)

Download Marketing Prêmios Marketing

BuscaRápida

Esqueci! Cadastre-se
© 2002- Revista About e Portal da Propaganda
Redação, Administração, Publicidade, Circulação e Prêmios - R. Cardoso de Almeida 788, 11º andar, cj. 112/113 - Perdizes - CEP 05013-001
São Paulo - SP - Tel. (11) 3675-9065